Herondas

Seção: literatura grega
Ἡρώνδας Herodas Mimographus Herod.

Herodas, Herondas ou ainda Herodes é, sem dúvida, o mais representativo autor do gênero literário que denominamos “mimo”.

Viveu durante o século -III e parece ter sido contemporâneo de Ptolomeu III Evérgeta (-246/-221). É possível que tenha vivido algum tempo em Cós e em Éfeso, a julgar por algumas informações encontradas em sua obra, e nada mais se sabe de certo a seu respeito.

Dele são conhecidos oito mimos de temática urbana, bem distantes dos cânones da literatura erudita oficial de Calímaco e Teócrito, seus contemporâneos, com indisfarçável caráter popular e marginal. Guardadas as proporções, lembram um pouco o "teatro a vapor" do brasileiro Artur Azevedo (1855/1908) e os sketches (cenas cômicas curtas) de alguns programas populares da televisão americana e brasileira.

Sinopses

O agudo senso de humor e a hábil caracterização dos personagens de Herondas permitem, apesar do ridículo das situações, da crueza do tom e da licenciosidade de alguns temas, entrever a própria realidade da vida urbana da época.

Devido ao pequeno tamanho — 80 a 100 versos —, é possível que os mimos de Herondas tenham sido compostos para simples declamação e não para representação.