816
0816X

Moedas e material romano para escrita e leitura

sæc. i

Afresco policrômico. Casa de Julia Felix, Pompeia

AcervoNápoles, Museu Arqueológico NacionalInventário8598ImagemCarole Raddato, 14/07/2016Fonte / ©FlickRLicençaCC BY-SA 2.0Iluminura0816

Comentários

No painel superior, possivelmente uma prateleira, há dois montes de moedas com uma sacola de lona meio cheia entre eles. No inferior, da esquerda para a direita, se vê: um tinteiro sob um estilete (stylus); um rolo de papiro com etiqueta; tabuinhas recobertas com cera, abertas e com mais um estilete por cima; e uma tabuinha dobrada e encostada à parede.

f0210
Fig. 0210. Material para escrita e leitura.

O painel inferior, reproduzido na parte de cima da Fig. 0210, reúne materiais utilizados pelos antigos gregos e romanos para a escrita (Ilum. 1366, 0810 e 0820, infra). A parte de baixo do desenho mostra, também da esquerda para a direita, tinteiro, cilindros com papiros, uma (capsa) com pergaminhos e mais tabuinhas enceradas.

O papiro era o suporte mais utilizado para obras literárias, cartas, contratos, leis e outros textos de certa importância.

Guardava-se o papiro enrolado, em caixas cilíndricas (capsa), em caixas maiores ou, eventualmente, em pequenos armários (sg. scrinium). Em bibliotecas eram provavelmente colocados em armários com várias prateleiras: ver Ilum. 1367, infra.