231
0231X

Harpia carrega criança

c. -480

Fragmento do friso norte da tumba de Kybernis, acrópole de Xantos, Lícia (Turquia atual)

AcervoLondres, Museu BritânicoImagemMarie-Lan Nguyen, 2006Fonte / ©Wikimedia CommonsLicençaDomínio públicoIluminura0231

Comentários

A cena representa uma harpia carregando o corpo de criança do sexo feminino para o alto. A criança toca uma das bochechas do monstro, tradicional gesto de súplica, e provavelmente representa a alma da morta. Mais abaixo, mulher sentada se lamenta (a mãe, provavelmente). Note-se a nítida separação entre o plano divino ou espiritual (harpia + criança morta) e o plano mortal ou terrestre (mãe).

A harpia representada acima tem cabeça, busto e braços de mulher, e corpo de pássaro. Esse aspecto é muito semelhante ao das sereias, cujo canto fascinava os marinheiros. Nos vasos, as harpias parecem, simplesmente, mulheres aladas.

Veja, em iluminuras relacionadas e links externos, mais representações de sereias e de harpias.