logo
988
0988X

Colofão da Editora Aldina

1514

Página de rosto da edição aldina do Léxico de Hesíquio. Veneza / detalhe

 
0988
detalhe.
 
0988a
/ página inteira
AcervoVeneza, Biblioteca Nacional MarcianaFonteBiblioteca Nazionale MarcianaLicençaCC BY-NC-ND 4.0Iluminura0988
Comentários

O colofão, característico dos livros impressos até o fim do século XVI, era a marca (logotipo) do editor ou impressor. Em geral, era colocado na parte de baixo da folha de rosto, logo acima do nome da editora e do ano de publicação.

As edições aldinas, publicadas por Aldus Manutius, traziam o desenho acima, que representa uma âncora enlaçada por um golfinho, mais os caracteres latinos maiúsculos ALDVS — às vezes ALDVS M.R. — disposos nos lados da imagem. O exemplo acima é da aldina do lexicógrafo Hesíquio (sæc. V/VI), publicada em 1514.

Em algumas publicações, como a do léxico de Hesíquio, o colofão acompanhava apenas o título da obra em grego e em latim (Fig. 0988a); em outras, como a de Hipócrates e a de Ateneu, a página trazia textos (Ateneu) ou a imprenta (Hipócrates). Ver iluminuras relacionadas.

Em nossos dias, o antigo emblema de Aldus Manutius constitui um dos logotipos da editora americana Doubleday (linha Vintage / Anchor Books).

Veja, em iluminuras relacionadas, ilustrações de outras edições aldinas.